Compositor de Quinta: Hans Zimmer e Benjamin Wallfisch

Hans Zimmer (à esquerda) e Benjamin Wallfisch (ao centro) junto a Pharrell Williams (à esquerda), durante gravação de Estrelas Além do Tempo (Foto: Site Oficial de Benjamin Wallfisch)
Hans Zimmer (à esquerda) e Benjamin Wallfisch (ao centro) junto a Pharrell Williams (à esquerda), durante gravação de Estrelas Além do Tempo (Foto: Site Oficial de Benjamin Wallfisch)

Nessa quinta (05), estreia nos cinemas um dos filmes mais esperados do ano, Blade Runner 2049, sequência do clássico de 1982. A trama se passa 30 anos após o original e acompanha K (Ryan Gosling), um oficial jovem que descobre um segredo com capacidade para destruir a sociedade moderna, e para ajudá-lo a salvar o mundo, vai em busca de Rick Deckard (Harrison Ford), que está desaparecido.

Para esse filme, como já falado em uma coluna anterior, Jóhann Jóhannsson foi originalmente escalado para compor a trilha sonora, porém se afastou do projeto por diferenças criativas com seu parceiro de longa data, o diretor Denis Villeneuve. Para o seu lugar, foram contratados Hans Zimmer e Benjamin Wallfisch, responsáveis pela trilha de dois dos melhores lançamentos do ano, Dunkirk e It: A Coisa, respectivamente.

Hans Zimmer, que no último mês de setembro completou 60 anos, é um dos maiores nomes da indústria, tendo mais de 40 anos de carreira e participação em mais de 200 produções, seja no cinema, TV, videogame ou curtas-metragens. Já foi indicado a 186 premiações, ganhando 110. Desses, foram 9 indicações ao Oscar, com uma vitória de Melhor Música por O Rei Leão, em 1995, e 13 ao Globo de Ouro, vencendo também por O Rei Leão, e por Gladiador, em 2001. Nos últimos anos, fez filmes como Batman vs Superman: A Origem da Justiça, em parceria com Junkie XL, 12 Anos de Escravidão e Rush: No Limite da Emoção, além de ser parceiro de longa data de Christopher Nolan, tendo composto as músicas de 6 dos 10 filmes da carreira do diretor, entre eles a trilogia Batman BeginsBatman: O Cavaleiro das Trevas e Batman: O Cavaleiro das Trevas RessurgeInterestelar e A Origem.

Já Wallfisch tem apenas 38 anos, e iniciou a carreira em 2004. Tem em seu currículo as composições de Estrelas Além do Tempo e Annabelle 2: A Criação do Mal, além de estar no departamento musical de produções como Batman vs Superman: A Origem da Justiça, A Garota da Capa VermelhaAnna Karenina e 12 Anos de Escravidão. Tem até agora 10 indicações, com apenas 1 vitória, em 2013, por A Arte da Paixão.

Confira abaixo algumas de suas faixas:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *